Bíblia do Caminho Testamento Redentor

Atos dos Apóstolos  Ee

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 8  Ee

(Versículos e sumário)

8  Naquele dia pois houve uma grande perseguição na Igreja que estava em Jerusalém, e foram todos dispersos pelas províncias da Judeia e de Samaria, excetuando os apóstolos.

2 E uns homens timoratos trataram de enterrar a Estêvão e prantearam muito sobre ele.

3 Mas Saulo assolava a Igreja, entrando pelas casas e tirando com violência homens e mulheres, que eram encarcerados.

4 Portanto, os que haviam sido dispersos iam de uma parte para outra, anunciando a palavra de Deus.

5 E Filipe, descendo a uma cidade de Samaria, lhes pregava a Cristo.

6 E os povos estavam atentos ao que Filipe lhes dizia, escutando-o com um mesmo ardor, e vendo os prodígios que fazia.

7 Porque os Espíritos imundos de muitos possessos saíam dando grandes gritos.

8 E muitos paralíticos e coxos foram curados.

9 Pelo que se originou uma grande alegria naquela cidade. Havia porém nela um homem, por nome Simão, que era mago, enganando ao povo samaritano, dizendo que ele era um grande homem.

10 A quem todos davam ouvidos desde o menor até ao maior, dizendo: Este é a virtude de Deus, a qual se chama grande.

11 E eles o atendiam, porque com suas artes mágicas, por muito tempo os havia dementado.

12 Porém, depois que creram o que Filipe lhes anunciava do Reino de Deus, iam-se batizando homens e mulheres em nome de Jesus Cristo.

13 Então creu também o próprio Simão, e depois que foi batizado, andava unido a Filipe. Vendo também os prodígios e grandíssimos milagres que se faziam, todo cheio de pasmo se admirava.

14 Os apóstolos, porém, que se achavam em Jerusalém, tendo ouvido que a Samaria recebera a palavra de Deus, enviaram-lhes a Pedro e a João.

15 Os quais, quando chegaram, fizeram oração por eles, a fim de receberem o Espírito Santo.

16 Pois o Espírito Santo ainda não havia descido sobre nenhum deles, mas somente tinham sido batizados em nome do Senhor Jesus.

17 Então punham as mãos sobre eles, e recebiam o Espírito Santo.

18 E quando Simão viu que se dava o Espírito Santo por meio da imposição das mãos dos apóstolos, lhe ofereceu dinheiro,

19 Dizendo: Dai-me também a mim este poder, que qualquer a quem eu impuser as mãos, receba o Espírito Santo. Mas Pedro lhe disse:

20 O teu dinheiro pereça contigo, uma vez que tu persuadiste que o dom de Deus se podia adquirir com dinheiro,

21 Não tens parte, nem sorte alguma neste ministério, porque o teu coração não é reto diante de Deus.

22 Faze, pois, penitência desta tua maldade; e roga a Deus que, se for possível, te seja perdoado este pensamento do teu coração.

23 Porque eu vejo que estás num fel de amargura, e preso nos laços da iniquidade.

24 E respondendo Simão, disse: Rogai vós por mim ao Senhor, para que não venha sobre mim nenhuma coisa das que haveis dito.

25 E eles, depois de terem testemunhado e anunciado a palavra do Senhor, retornando para Jerusalém pregavam por muitos lugares dos samaritanos.

26 E o anjo do Senhor falou a Filipe, dizendo: Levanta-te e vai em direção ao sul, pelo caminho que desce de Jerusalém a Gaza, esta se acha deserta.

27 E ele, levantando-se, partiu. E eis que um varão etíope, eunuco, adido de Candace, rainha da Etiópia, o qual era superintendente de todos os seus tesouros, tinha vindo a Jerusalém para fazer a sua adoração;

28 E voltava já assentado sobre o seu coche, e ia lendo o profeta Isaías.

29 Então disse o Espírito a Filipe: Chega e aproxima-te deste coche.

30 E correndo logo Filipe, ouviu que o eunuco lia o profeta Isaías, e lhe disse: Crês porventura que entendes o que estás lendo?

31 Ele lhe respondeu: E como o poderei eu entender, se não houver alguém que mo explique? E rogou a Filipe que montasse e se assentasse com ele.

32 Ora, a passagem da Escritura que lia era esta: Como ovelha foi levado ao matadouro, e como cordeiro mudo diante do que o tosquia, assim ele não abriu a sua boca.

33 No seu abatimento o seu juízo foi exaltado. Quem poderá contar a sua geração, pois que a sua vida será tirada da terra? (Is)

34 E respondendo o eunuco a Filipe, disse: Rogo-te que me digas de quem disse isto o Profeta? De si mesmo ou de algum outro?

35 Abrindo Filipe a sua boca e principiando por esta Escritura, lhe anunciou a Jesus.

36 E continuando eles o seu caminho, chegaram a um lugar onde havia água, e disse o eunuco: eis aqui água; que embaraço há para que eu não seja batizado?

37 E disse Filipe: Se crês de todo o coração, bem podes. E ele respondendo disse: Creio que Jesus Cristo é o Filho de Deus.

38 Mandou parar o coche e desceram os dois à água, Filipe e o eunuco, e o batizou;

39 E assim que eles saíram da água, arrebatou o Espírito do Senhor a Filipe, e o eunuco não o viu mais. Porém continuava o seu caminho cheio de prazer.

40 Mas Filipe se achou em Azot, e de passagem pregava o Evangelho em todas as cidades até que veio a Cesareia.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação.

Veja também as seguintes versões: Corrigida e revisada, fiel de Almeida; Novum Testamentum Graece 28th revised edition. Edited by Barbara Aland and others; Parallel Greek New Testament by John Hurt


.

Abrir